Sharapova já tem adversária definida na estréia pela Rússia na Fed Cup

Agência EFE

MOSCOU - A tenista Maria Sharapova finalmente estreará defendendo a Rússia na Fed Cup no próximo sábado enfrentando a israelense Shahar Peer no confronto entre os dois países, pela primeira rodada do Grupo Mundial I.

- Cruzo os dedos para não me machucar ou ficar doente antes da minha estréia pela Rússia - afirmou Sharapova, citada pela agência oficial russa 'Itar-Tass'.

A tenista, que conquistou o Aberto da Austrália no último domingo, finalmente acabará com os três anos de polêmicas sobre sua suposta recusa a jogar pelo país devido à sua influência americana - mora lá desde os seis anos.

- Estou muito feliz por finalmente conseguir jogar a Fed Cup. Estou orgulhosa de ser russa e, quando encerrar minha carreira, quero voltar ao meu país e estudar numa universidade - disse.

Atual número cinco do mundo, a russa encara Peer, atual 17ª colocada e finalista na chave de duplas do Aberto da Austrália.

O capitão da Rússia, Shamil Tarpischev, garantiu que Sharapova adaptaria seu calendário para 2008 a fim de defender o país na Fed Cup.

- Após sua vitória na Austrália, Sharapova está em plena forma e pode nos ajudar muito a derrotar Israel - disse Tarpischev.

A disputa da Fed Cup é condição indispensável para disputar os Jogos Olímpicos de Pequim, em agosto - um dos principais objetivos da tenista russa para esta temporada.

Além de Sharapova, número um da equipe, a Rússia terá ainda Anna Chakvetadze (sétima da WTA), Dinara Safina (16ª) e Elena Vesnina (16ª).

Rússia e Israel se enfrentam no próximo fim de semana na cidade israelense de Ramat Hasharon.

Mesmo sem contar com Sharapova, a Rússia venceu a Fed Cup nos anos de 2004, 2005 e 2007.