Crespo: 'Quero ganhar do Brasil seja como for'

Portal Terra

RIO - O atacante Hernán Crespo afirmou, em entrevista ao diário argentino Olé, que a ausência dos meia Kaká e Ronaldinho na Copa América não muda a sua vontade de derrotar o Brasil.

De acordo com o jogador, o gosto por uma vitória contra a Seleção Brasileira é sempre o mesmo para os argentinos, independente de quem estiver em campo.

- Eu quero ganhar do Brasil seja como for, sem estrelas ou com estrelas. Vi como está o quadro de possíveis cruzamentos e me parece que nos encontraremos antes. Se Deus quiser e tudo sair bem, vamos nos cruzar na semifinal - disse.

Com ou sem o Brasil no caminho, Crespo espera acabar com o jejum de títulos pela seleção argentina. O país não vence a Copa América desde 1993.

- Vejo que a Argentina ganha a Copa América. Isso é o que vejo. Dependerá muito de nós, de que este grupo de grandes jogadores se converta em uam equipe - disse.

O atacante assume o favoritismo da Argentina na competição.

- Acredito que a Argentina é sempre uma das principais candidatas, pelo que significa historicamente no futebol. A idéia é ganhar a Copa América e festejar, mas temos que ir devagar - avalia.

O adversário mais perigoso, segundo Crespo, será a Seleção Brasileira.

- Brasil é sempre Brasil. Mas há uma grande renovação em todos os elencos. Estou muito curioso para ver algumas seleções - completou.