Eusébio deixa hospital após cirurgia

REUTERS

LISBOA - O maior jogador português de todos os tempos Eusébio recebeu alta do hospital nesta quinta-feira, quatro dias após ter passado por uma cirurgia.

A operação foi bem sucedida para desobstruir as artérias que levam o sangue para o cérebro, minimizando os riscos de o ex-jogador de 65 anos sofrer um derrame.

- Quero agradecer todas as pessoas que me deram apoio e mandaram faxes ou ligaram, mas também tenho que agradecer ao médico que me operou devido à forma que fui tratado, disse Eusébio, que estava usando uma proteção em volta do pescoço, à televisão local ainda com a voz fraca.

A cirurgia foi realizada em um novo hospital de Benfica, a cerca de 500 metros do Estádio da Luz, do Benfica, onde o ex-atacante nascido em Moçambique brilhou durante os anos 1960 e 1970.

Durante sua carreira profissional, Eusébio se aproximou da marca de 1.000 gols defendendo o Benfica e a seleção portuguesa. Ele foi duas vezes premiado com a Chuteira de Ouro como maior artilheiro da Europa.

Eusébio, figura presente na tribuna nos jogos do Benfica, não confirmou se estaria no jogo da equipe contra o antigo rival Sporting no domingo.

- Não posso jogar, não estou 100 por cento, brincou.