Polônia e Ucrânia prometem organizar Eurocopa

Agência EFE

GRÃ-BRETANHA - Os presidentes das federações de Polônia e Ucrânia, escolhidas nesta quarta-feira pelo Comitê Executivo da Uefa para organizarem juntas a Eurocopa de 2012, se comprometeram a não falhar diante desta 'fantástica oportunidade'.

Michal Listkiewicz, presidente da Federação Polonesa, afirmou que a Uefa e os fãs de futebol de seu país e da Ucrânia 'farão todo o possível' para assegurar que a competição seja um grande sucesso.

- Desta vez foram apresentadas as melhores candidaturas na história deste torneio, e gostaria de parabenizar todos os países. Cordialmente convido todos a visitarem a Ucrânia e a Polônia em nome de 85 milhões de pessoas que esperaram que esta competição chegasse ao leste. Finalmente temos esta oportunidade, disse.

O dirigente polonês agradeceu o apoio recebido e a confiança em sua candidatura, comprometendo-se a cumprir todas as promessas feitas à Uefa.

- A amizade entre Polônia e Ucrânia tem uma história muito longa e esta competição será um marco, completou.

Listkiewicz falou logo após o anúncio do Comitê Executivo da Uefa, feito hoje na cidade galesa de Cardiff, junto ao presidente da Federação Ucraniana de Futebol, Grigoriy Surkis.

- É muito difícil descrever as emoções que sinto neste momento. Durante três anos comprometemos nossos corações a este projeto e muita gente se envolveu. Esta é uma oportunidade fantástica e faremos todo o possível para atingir o sucesso. E conseguiremos, acreditem em nós, ressaltou.