COB decreta luto de 3 dias em homenagem a Lenk

Portal Terra

RIO - O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) decretou luto oficial de três dias por conta da morte da nadadora Maria Lenk. Ela morreu na última segunda-feira, depois de sofrer um aneurisma enquanto nadava, no parque aquático do Flamengo.

Presidente do COB, Carlos Artur Nuzman lamentou a morte da veterana nadadora, mas ressaltou que conseguiu fazer com que ela fosse lembrada por sua importância ainda em vida.

- Felizmente, pudemos homenageá-la ainda em vida, com a entrega do Troféu Adhemar Ferreira da Silva, um dos momentos marcantes do prêmio Brasil Olímpico 2004, e recentemente ficamos muito felizes com a homenagem que a Prefeitura do Rio fez ao dar o nome de Maria Lenk ao Parque Aquático da Cidade dos Esportes -, disse o dirigente.

O luto do COB foi estendido também ao ex-diretor-técnico da entidade, Renato Borges da Fonseca, que também morreu na última segunda-feira. Ele ocupou o cargo entre 1989 e 1995, além de ter sido presidente da Confederação Brasileira de Remo e membro da Assembléia do COB.