Fluminense supera Millonarios-COL e avança na Libertadores

Tricolor garante classificação para última etapa preliminar da competição

Foto: Lucas Mercon/Fluminense
Credit...Foto: Lucas Mercon/Fluminense

Depois do triunfo de virada por 2 a 1 no jogo de ida, no Estádio El Campín, o Fluminense voltou a vencer o Millonarios-COL, nesta terça-feira (1º), em São Januário, pela segunda fase da Libertadores. Com gols de Willian Bigode e Jhon Arias, o Tricolor superou o adversário por 2 a 0 e garantiu a classificação para a última etapa preliminar da competição.

Agora, o Time de Guerreiros espera o vencedor do confronto entre Atlético Nacional-COL e Olimpia-PAR, nessa quinta-feira (3), em Medellín. No primeiro duelo, em Assunção, os paraguaios levaram a melhor por 3 a 1.

A equipe comandada por Abel Braga volta a campo no sábado (5), às 16h, quando enfrenta o Resende, no Raulino de Oliveira, pela 10ª e penúltima rodada do Campeonato Carioca. Se vencer, fica com o título da Taça Guanabara.

 

PRIMEIRO TEMPO

Aos 4 minutos de jogo, o Fluminense ameaçou o adversário pela primeira vez. Da entrada da área, Willian Bigode finalizou com categoria, obrigando o goleiro a trabalhar. Aos 29 minutos, em bobeada dos colombianos, os tricolores avançaram novamente. Luiz Henrique ficou com a bola e, do meio-campo, arriscou a finalização, parando no goleiro.

 

SEGUNDO TEMPO

No primeiro minuto, Luiz Henrique recebeu de Calegari e soltou uma bomba, ao lado do gol. Aos 10, com a bola em disputa na área, David Braz desviou, mas o goleiro espalmou. Em seguida, Yago Felipe, de longe, mandou nas mãos do goleiro.

Aos 15 minutos, o Fluminense abriu o placar. Após belo passe de Luiz Henrique, Calegari cruzou para a finalização de Germán Cano, interceptada pela zaga. Na sobra, Willian Bigode encheu o pé para balançar a rede.

Em uma bela jogada, aos 27 minutos, o Time de Guerreiros ampliou a vantagem no marcador. Yago Felipe serviu Jhon Arias, que, cara a cara, venceu o goleiro. Aos 40, da entrada da área, Martinelli ainda arriscou o arremate, mas errou o alvo. (com Ascom/Fluminense)

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais