Com dois jogos em casa, Sampaoli pode alcançar marca de Luxemburgo e Leão

SANTOS, SP (UOL/FOLHAPRESS) - O técnico Jorge Sampaoli pode alcançar uma marca expressiva no comando do Santos. Se fizer o dever de casa e vencer as duas próximas partidas do time, dentro da Vila Belmiro, chegará a sete vitórias consecutivas no Campeonato Brasileiro, marca que só foi alcançada por cinco treinadores na história do clube: Vanderlei Luxemburgo, Emerson Leão, Chico Formiga, Pepe e Lula.

Enquanto Lula detém o recorde máximo santista, 10 vitórias seguidas na década de 60, e Pepe alcançou oito triunfos em 1980, os outros três treinadores conseguiram exatamente sete vitórias consecutivas: Luxa em 2004, Leão em 2004 e Chico Formiga em 1984.

Para alcançar a marca, o time de Jorge Sampaoli tem de vencer o Avaí, neste domingo, às 16h, e o Goiás, no próximo domingo, às 11h. Na atual sequência, o Santos bateu Ceará, Atlético-MG, Corinthians, Bahia e Botafogo, sofrendo apenas um gol nos cinco jogos.

Entre as partidas contra o Ceará e Atlético-MG, o time foi derrotado pelo próprio Galo na Copa do Brasil, o que faz com que o Santos tenha, levando em conta todas as competições, quatro vitórias consecutivas na temporada. Uma vitória sobre o Avaí faria também com que o argentino alcançasse uma marca que o Santos não consegue desde 2015.

A última vez que venceu cinco partidas em sequência foi em 2015, com Dorival Jr, quando bateu Avaí, Cruzeiro e Chapecoense pelo Brasileiro e Corinthians, duas vezes, pela Copa do Brasil. Naquele ano, o Santos terminou em sétimo no Brasileiro e foi vice-campeão da Copa do Brasil.