Mãe de Tite, Dona Ivone morre aos 83 anos

Ivone Bachi, mãe do técnico Tite, faleceu no início da tarde deste sábado em São Bráz, interior de Caxias do Sul (RS). Aos 83 anos de idade, ela morreu de causas naturais e foi velada no Memorial São José de Caxias do Sul. O sepultamento ocorrerá no Cemitério Parque de Caxias do Sul, no final da tarde de hoje.

Dona Ivone foi uma das grandes incentivadoras da carreira do técnico da seleção brasileira. Durante a Copa do Mundo da Rússia, no ano passado, ela recebia ligações do filho diariamente e assistia aos jogos da seleção. Mas nem sempre foi assim. No início, a preocupação com o resultado do jogo do time do "Ade" - como a família se refere a Tite - a deixava nervosa, e ela evitava a todo custo assistir aos jogos para não passar por fortes.

Quando Tite foi apresentado na Seleção, em 2016, ele se emocionou ao falar sobre o momento em que deu a notícia para Dona Ivone. Em sua primeira entrevista como técnico da seleção, Tite ganhou uma camisa da equipe com o nome de sua mãe nas costas. "Eu disse: 'Mãe, seu filho é o técnico da seleção brasileira'. Ela começou a chorar e me deu bênção", contou emocionado. (Com Estadão Conteúdo)