Vasco quer renovar contrato de Maxi López

O desempenho neste início de temporada ainda está longe do ideal, mas Maxi López ainda tem bastante crédito com a diretoria e com a torcida do Vasco. Muito por conta disso, clube e jogador estão cada vez mais interessados em estender o casamento iniciado em julho de 2018. O desejo é mútuo para prorrogar até o fim de 2020 ou de 2021 o contrato que se encerra em dezembro de 2019. Nem mesmo a idade avançada do atacante, que completa 35 anos em 3 de abril, é vista como empecilho para o acordo.

Contratado como aposta depois de uma década na Itália, Maxi López rapidamente adquiriu prestígio ao liderar a equipe em campo na luta contra mais um rebaixamento no Campeonato Brasileiro. O argentino marcou sete gols e distribuiu cinco assistências em 19 partidas. Recebeu atenção especial na preparação para a nova temporada, e só estreou na última rodada da Taça Guanabara, entrando no segundo tempo no clássico com o Fluminense.

O clube negocia a permanência de um veterano, mas também comemora a permanência de uma jovem promessa. A alegria é compartilhada com Lucas Santos, de 19 anos, que esteve próximo de se transferir para o CSKA Moscou. "Seria um passo importante na minha carreira, mas sempre disse que queria fazer história com a camisa do Vasco. Isso pesou bastante na decisão de todos. Estou muito feliz por ter ficado. Aqui é minha casa. Foi a escolha certa", vibrou Lucas.