Acompanhe minuto a minuto Vasco X Resende

Times se enfrentam pela semifinal do Carioca

A meteorologia está prevendo um dilúvio para hoje, no Rio de Janeiro. Escaldada pelos estragos causados pela chuva da semana passada, quando sete pessoas morreram, a Prefeitura sugeriu que a partida Vasco x Resende, hoje (21h30m), no Maracanã, pelas semifinais da Taça Guanabara fosse adiada. A Ferj então tentou transferir o jogo para amanhã, às 19h, em São Januário. Mas sob a alegação de que não tem condições de fazer policiamento de dois jogos envolvendo três clubes grandes da cidade na mesma data (tem Fla-Flu no Maracanã, às 21h30m), a PM vetou a mudança. A partida está mantida para hoje, no mesmo horário e local.

Caberá ao torcedor decidir se irá ou não ao estádio. Para tentar minimizar os riscos a Federação decidiu suspender a venda de ingressos para o jogo. Mas os torcedores que já tinham adquirido suas entradas podem comparecer ao Maracanã. Por sua conta e risco. Quem já está com seu bilhete e desistir de ir ao estádio será ressarcido.

Apesar dos alertas, o técnico do Vasco, Alberto Valentim, disse que se fosse torcedor, iria ao Maracanã. O Vasco joga pelo empate. "Se vai ter o jogo, é porque de uma forma ou de outra haverá condições para que você chegue com segurança e depois volte para casa. A gente não quer ficar adiando o jogo, mas também não quer que ninguém corra risco de ficar ilhado. Que todo mundo consiga chegar", afirmou o treinador.

Valentim confirmou a escalação do zagueiro Werley, que perdeu um primo, o zagueiro Pablo Henrique, de 14 anos, no incêndio da última sexta-feira, no Ninho do Urubu. "Ele quer ir para o jogo e treinou normalmente. Werley vai para o jogo com sentimento de muita tristeza. Ele quer jogar, vai jogar, é nosso titular neste jogo. A gente tem que continuar nossas vidas. Vamos jogar para ele e por ele", afirmou o treinador.

Vasco: Fernando Miguel, Cáceres, Werley, Castan e Danilo Barcelos; Raul, Lucas Mineiro, Pikachu, Thiago Galhardo e Marrony; Maxi López. Resende: Ranule, Filipi, Rhayne, Lucão e Jeanderson; Joseph, Vitinho, Léo Silva, Davi Ceará e Arthur Faria; Maxwell. Juiz: Rodrigo Nunes de Sá.