Vexame em casa

Botafogo perde para o Resende por 1 a 0 e está fora da Taça Guanabara

Nayra Halm/Fotoarena/Lancepress!
Credit...Nayra Halm/Fotoarena/Lancepress!

O Botafogo está eliminado da Taça Guanabara. Ontem, no Nilton Santos, a equipe de Zé Ricardo amargou o quarto tropeço em quatro jogos ao perder de forma inédita para o Resende, por 1 a 0. O resultado manteve o alvinegro na lanterna do Grupo C e eliminou qualquer chance matemática de classificação para as semifinais do primeiro turno do Campeonato Carioca.

"Desde o começo não fomos bem. Como time grande, era para estarmos classificados. Não vamos baixar a cabeça. Trabalhar é o único jeito de sair dessa situação", declarou Gatito Fernández.

O grito de "time sem vergonha" ecoou nas arquibancadas assim que Maxwell, artilheiro da competição, marcou o gol da partida, aos 26 do segundo tempo. O atacante aproveitou contra-ataque em que o Resende tinha superioridade de quatro contra dois para bater forte, da entrada da área.

O meio-campo do Botafogo voltou a sentir muito a ausência de João Paulo, com lesão na coxa direita. O desfalque se estenderá, no mínimo, até a estreia na Copa Sul-Americana, na próxima quarta-feira, quando a equipe recebe o Defensa y Justicia.

Com dificuldade de criar chances, o alvinegro ainda esbarrou em suas falhas e na ótima noite do goleiro Ranule quando chegou perto da meta adversária. O goleiro brilhou em finalizações de Ferrareis, Marcinho e Kieza na volta para o segundo tempo, e manteve o empate parcial. Desesperado pela vitória, o Botafogo acabou cedendo espaços, e tomou o golpe de misericórdia.

Botafogo: Gatito Fernández, Marcinho, Marcelo, Gabriel e Gilson; Jean (Wenderson), Alan Santos (Gustavo Ferrareis) e Alex Santana (Leandro Carvalho); Erik, Kieza e Luiz Fernando. Resende: Ranule, Filipe, Rhayne, Lucão e Jeanderson; Joseph, Vitinho, Léo Silva, Davi Ceará (Valdeci) e Arthur Faria (Zambi); Maxwell (Dieguinho). Juiz: João Batista de Arruda. Cartão amarelo: Valdeci.