Zé Ricardo se orgulha da reta final

Apesar da derrota para o Atlético-MG no Independência, sábado, após seis jogos seguidos de invencibilidade no Brasileiro, o técnico Zé Ricardo valorizou seu grupo de atletas, que conseguiram, na reta final do Brasileiro, se credenciar para a disputa da Copa Sul-Americana. No entanto, deixou claro que é preciso ter mais segurança financeira, caso os dirigentes optem por sua permanência.

“Quero enaltecer cada um de nossos atletas”, declarou o treinador. “Suas férias são merecidas, mas a gente precisa sentar com a direção para poder ter mais segurança no que diz respeito não só a venda de jogadores, mas também à estabilidade financeira, que é fundamental para fazermos um trabalho tranquilo”.

Com contrato até abril, ele, que chegou ao clube em agosto, se mostrou orgulhoso com o desempenho das crias da base, que tanto ajudaram o elenco. Nomes como Gustavo Bochecha, Igor Rabello, Marcinho, Matheus Fernandes, Marcelo Benevenuto e Yuri deram contribuições decisivas em momentos cruciais, ao longo da campanha.

“Os meninos foram sensacionais. Já estou com saudades de trabalhar nossa ideia de jogo corajosa e bonita. Uma pena que demoramos para engrenar”.

Caso prossiga no comando, Zé Ricardo não poderá contar com jogadores importantes em 2019. A saída de Erik, que estava emprestado pelo Palmeiras, por exemplo, é certa.