Após deixar jogo com dores, Vital treina e deve ser escalado no time corintiano

O elenco do Corinthians se reapresentou nesta segunda-feira após a vitória por 1 a 0 sobre o Vasco, obtida no sábado à noite, em casa, que deixou o time em situação menos complicada no Campeonato Brasileiro. Os titulares da partida ficaram na academia e os reservas treinaram debaixo de forte chuva no CT Joaquim Grava.

A boa notícia foi que o meia Mateus Vital participou normalmente do trabalho regenerativo. Autor do gol salvador no último sábado, o jogador deixou o campo no segundo tempo com dores musculares. A tendência é a de que ele siga na equipe, já que o atacante Romero continua na seleção paraguaia.

Para o duelo de quarta-feira contra o Atlético-PR, o técnico Jair Ventura contará com o retorno do lateral-esquerdo Carlos Augusto, que está com a seleção brasileira sub-20. O jogador se juntará ao elenco na quarta-feira, já em Curitiba, e deve ficar no banco de reservas. Danilo Avelar continua entre os titulares.

O trabalho desta segunda foi acompanhado pelo presidente Andrés Sanchez. O mandatário voltou da viagem para a Europa e, em conversa informal com os jornalistas, desmentiu a negociação do atacante Pedrinho com o Real Madrid. Ele também aproveitou para dizer que tem um atacante e um meia encaminhados para 2019. Andrés não citou nomes e descartou que o meia Lucas Piazon, revelado pelo São Paulo e hoje no Chelsea, seja um dos reforços. O centroavante, segundo o presidente, chegará para vestir a camisa 9 e ser titular.

O elenco volta ao trabalho na terça-feira, quando realiza o último treinamento antes de enfrentar o Atlético-PR, na Arena da Baixada, pela antepenúltima rodada do Campeonato Brasileiro. A delegação embarca para a capital paranaense também na terça, após a atividade. A expectativa é a de que Jair mande a campo o Corinthians com a seguinte formação titular: Cássio; Fagner, Léo Santos, Henrique e Danilo Avelar; Ralf, Thiaguinho, Mateus Vital, Jadson e Pedrinho; Danilo.