Jornal do Brasil

Esportes

Dorival Júnior fala sobre poder de recuperação e resultado no Maracanã

Treinador concedeu entrevista coletiva no auditório do estádio

Jornal do Brasil

O Flamengo venceu importante duelo diante do Santos por 1 a 0, na tarde desta quinta-feira (15), e celebrou o aniversário com o resultado positivo ao lado da torcida, no Maracanã. Após o jogo, o técnico Dorival Júnior falou com a imprensa em coletiva e enalteceu o desempenho do grupo. “Parabenizo o Flamengo e nossa imensa torcida por mais um ano de existência marcando a história do futebol brasileiro e mundial”, disse abrindo a entrevista.

Perguntado sobre a situação atual do Brasileirão, Dorival disse que primeiro foca no desempenho do time. “Temos que nos preocupar com a nossa condição, nossos resultados. Tem sido assim rodada a rodada. O Palmeiras tem uma vantagem e precisamos respeitá-la, mas enquanto existirem possibilidades matemáticas, vamos seguir lutando pela melhor posição possível. Não vamos perder o foco. Fico feliz de ver que mantivemos o equilíbrio e o controle mesmo com desfalques importantes. Tivemos um posicionamento correto em campo e, quando isso aconteceu, criamos mais e conseguimos um resultado importante frente a uma equipe que nos exigiu muito”, analisou o treinador rubro-negro.

Macaque in the trees
Dorival Jr. orienta o zagueiro Réver (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

No intervalo, os torcedores protestaram pelo desempenho do time, mas celebrou com o grupo após o apito final. “Temos que entender o torcedor, nós não estávamos satisfeitos principalmente com a nossa última atuação. Esperávamos algo diferente daquilo que estamos vendo. A equipe conseguiu se reequilibrar, mesmo depois de um início nervoso. O Santos sabe explorar bem contra-ataques, mas nos posicionamos bem, tivemos poucas infiltrações deles, conseguimos atacar mais o espaço. Depois do gol, sentimos mais necessidade de guardar mais a área e trouxemos um pouco o Santos, abrindo mais espaços. Mas tivemos uma boa oportunidade com o Berrío, por exemplo. De um modo geral, é importante colocar que os anseios que o torcedor tem são os mesmos que nós. Sempre lutamos muito por eles e pelos resultados. Em uma rodada ou outra não conseguimos, mas o elenco vem tendo um aproveitamento bom. A derrota passada nos chateou bastante, mas mostra o nosso poder de recuperação. Fica uma expectativa para que as coisas possam acontecer em um futuro bem curto”, disse Dorival.

Henrique Dourado e Orlando Berrío, protagonistas do gol do Rubro-Negro, saíram do banco para definir o jogo. “É agora que a força do elenco se faz presente. Ganhamos com três alterações e dois participaram diretamente do resultado, o que é um fato muito importante. Porém, ver a equipe atuar bem e dominando a partida, como foram alguns dos últimos jogos, passam uma certeza maior do que aquele que fazemos uma opção para alterar um jogador por momento do jogo e ele faz gol. Valorizo mais o conjunto do trabalho do que atitudes individuais. Todos estão tentando ler a partida para fazer alterações de várias formas, então queremos sempre ver nossa equipe jogando bem e dando satisfação ao torcedor”, explicou o comandante.

César teve atuação fundamental e ainda defendeu um pênalti, sendo peça importante no confronto contra o Santos. “O futebol sempre nos mostra esses lados. Talvez tenhamos um palmo de distância entre herói e vilão na partida. É um garoto que vem crescendo e amadurecendo, criado no Flamengo. Fico muito feliz, pois ele vem evoluindo bastante. Muito dessa vitória de hoje é pela atuação dele”, completou Dorival Júnior.

O Flamengo volta a campo no domingo (18), às 17h, quando enfrenta o Sport pelo Campeonato Brasileiro na Ilha do Retiro.

- Com site oficial do Flamengo