Com problemas na zaga, Odair testa Fabiano na zaga do Inter para domingo

Os muitos desfalques no setor defensivo do Internacional obrigaram o técnico Odair Hellmann a buscar uma solução de emergência para o confronto diante do Corinthians, domingo, em São Paulo, pelo Campeonato Brasileiro. Sem os titulares Rodrigo Moledo e Victor Cuesta e o reserva imediato Emerson Santos, o treinador testou Fabiano no miolo de zaga no treino desta sexta-feira.

Moledo sofreu uma lesão muscular na derrota de segunda-feira para a Chapecoense e ficará cerca de um mês afastado, enquanto Cuesta foi expulso e está suspenso. Emerson Santos seria a próxima alternativa, mas levou uma pancada no joelho no treino de quarta-feira, ficou os últimos dois dias afastado do treinamento e deve ser desfalque.

Quarta opção para a zaga do Inter, Klaus está confirmado para a partida. A expectativa era de que Thales fosse escolhido para ser seu companheiro, mas Odair optou por escalar Fabiano como zagueiro, função em que começou a carreira antes de se deslocar para a lateral.

"O Fabiano jogou muitos anos ali. Foi zagueiro e só depois foi para a lateral. Está há bastante tempo sem jogar, mas conhece a função e, se por acaso tiver que jogar, vai desempenhar muito bem", elogiou Odair em entrevista coletiva nesta sexta.

O próprio treinador, no entanto, não quis confirmar Fabiano como titular da zaga colorada. Ele explicou que vai esperar até os últimos momentos pela recuperação de Emerson Santos.

"A gente vai esperar até o último momento. Se ele (Emerson Santos) estiver bem amanhã, vai para campo. Mas já treinamos a possibilidade de ele não jogar, até porque temos os dois (Moledo e Cuesta) fora. A gente aguarda até o último momento, a não ser que o departamento médico vete amanhã. Pelo menos, a gente treinou bem o substituto, o que é importante", afirmou o técnico.