Jornal do Brasil

Esportes

Botafogo poupa na Sul-Americana

Jornal do Brasil

A torcida do Botafogo já mostrou que adora uma competição internacional. Lotou o Nilton Santos ano passado em todos os jogos da Libertadores e, em 2018, o maior público alvinegro foi registrado na vitória de 2 a 0 sobre o Nacional do Paraguai – mais de 35 mil pagantes. A comissão técnica, no entanto, pensa diferente. Preocupada com o Brasileiro, ela decidiu poupar três jogadores hoje (21h45m), contra o Bahia, na Fonte Nova, no jogo de ida das oitavas de final da Sul-Americana.

Não jogarão Joel Carli, Kieza e Moisés. Em seus lugares entram Marcelo, Aguirre e Gílson. Além dos três, o técnico Zé Ricardo não terá o atacante Erik, que já jogou na Sul-Americana pelo Atlético-MG.

Macaque in the trees
Leo Valencia treina no Nilton Santos. O chileno está confirmado hoje, contra o Bahia (Foto: Vítor Silva/SSPress/Botafogo)

“Temos que combinar com fisiologia e comissão para não ter lesões. O Botafogo enfrentou muitos problemas de lesão. O time que vai entrar, vai com força máxima”.

A preocupação maior de Zé Ricardo é evitar um placar que seja difícil de reverter no jogo de volta, dia 3 de outubro, no Nilton Santos. Foi o que aconteceu contra o Nacional do Paraguai. O Botafogo perdeu em Assunção por 2 a 1 e no Rio venceu por 2 a 0. “Temos que estar bem concentrados porque a equipe deles é bem competitiva, além de ser uma grande força quando atua em Salvador”, alertou o treinador alvinegro.

Bahia: Douglas, Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Tiago e Léo Pelé; Elton, Gregore, Elber, Vinícius e Zé Rafael; Gilberto. Botafogo: Saulo, Marcinho, Marcelo, Igor Rabello e Gílson; Jean, Rodrigo Lindoso, Bochecha, Leo Valencia e Luiz Fernando; Aguirre. Juiz: Piero Maza (CHI).



Recomendadas para você