Jornal do Brasil

Esportes

Desfalcado, Fla enfrenta o Inter pressionado por derrota para o Ceará

Jornal do Brasil

Pressionado pela derrota de 1 a 0 para o Ceará, no último domingo, o Flamengo enfrenta hoje o Internacional (21h45m), no Beira-Rio numa briga direta pelo segundo lugar na tabela. Além de vários desfalques, o rubro-negro tem contra si o péssimo retrospecto fora do Rio de Janeiro. Até agora, em 10 jogos, foram apenas três vitórias, com quatro empates e três derrotas. A última fez que venceu fora de casa foi no dia 7 de junho, contra o Fluminense, em Brasília (2 a 0). Depois disso, já se apresentou cinco vezes longe da torcida carioca. Não venceu nenhuma: são três empates e duas derrotas.

Macaque in the trees
Jogadores do Flamengo se preparam para o treino no Ninho antes da partida com o Inter (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)


Uma nova derrota hoje comprometerá bastante a caminhada rumo ao título brasileiro. O Flamengo tem 41 pontos, contra 43 do Internacional e 45 do São Paulo, que enfrenta o Atlético-MG, em Belo Horizonte. E justo num momento decisivo o técnico Maurício Barbieri tem vários problemas para escalar a equipe. Além de Lucas Paquetá e Cuéllar, que estão com suas seleções, e de Diego, suspenso, o treinador não poderá escalar o capitão Réver, que está emprestado pelo Internacional. Se quisesse escalar o zagueiro, o Flamengo teria de pagar multa de R$ 1 milhão. A diretoria achou melhor tirar Réver do jogo.

“Mais um jogo crucial como foi o último. Temos que entrar mais ligados. O Internacional é um adversário direto. Tem força na frente é um defesa sólida. Mas não é invulnerável”, afirmou Barbieri.

Ontem, antes da viagem para Porto Alegre, a cúpula do futebol se reuniu com os jogadores no Ninho do Urubu. Houve cobrança em relação à derrota para o Ceará. Barbieri também foi cobrado. “Houve várias conversas da comissão com o Lomba (vice de futebol). Todas com intuito de buscar soluções. Somos cientes de que precisamos melhorar em alguns aspectos”, desconversou Barbieri.

Internacional: Marcelo Lomba, Zeca, Rodrigo Moledo, Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado, Edenílson, Nico López, Patrick e Pottker; Jonatan Álvez. Flamengo: Diego Alves, Pará, Léo Duarte, Rhodolfo e Renê; Piris, Rômulo, Éverton Ribeiro, Vitinho e Marlos Moreno; Uribe. Juiz: Ricardo Marques Ribeiro (MG).



Tags: futebol

Recomendadas para você