De olho na falta de ética

Ar quivo

COP A DE 2018

De olho

PA R I S

A F if a an unciou ontem que a briu pr ocesso contr a dois de seus atuais membr os do Comitê Exe- cuti v o a fim de esclar ecer se eles violar am ou não o código de ética da entidade no caso da suposta corrupção r e v elado pela impr en- sa inglesa, r efer ente à escolha da sede da Copa de 2018. De acor do com o com unicado , a F i f a também solicitou ao pr esi- dente da Comissão de Ética que “le v e a ca bo quantas ações ac har necessárias, entr e as quais se in- clui a adoção de medidas pr o v i- sórias caso sejam dadas as con- dições necessárias”. O caso de suposta corrupção f oi r e v elado no domingo pelo jornal inglês

Sunda y T imes

em um artigo intitulado “Mundial: v otos à v e n- da”. Segundo a publicação , Amos Adam u, membr o nigeriano do Co- mitê Executi v o da F if a, pediu 570 mil e ur os par a apoiar uma can- didatur a par a a Copa de 2018. O taitiano Re ynald T emarii, vice-pr esidente da entidade e pr esidente da Confeder ação de Fute bol da Oceania, pediu, se - gundo o jornal inglês, 1,6 mi - lhão de eur os em benefício de uma academia esporti v a, e afir - mou que outr os dois candidatos lhe ofer ecer am dinheir o par a obter seu v oto . No documento , a F if a confirmou que a combinação ou v enda de v oto , conf orme denúncia da impr ensa, constitui uma clar a infr a ção das bases do r e gistr o d e candidatur a e do Código de Ética. P or esse moti v o , a or ganização iniciou uma in v e s - tigação contr a as associações dos membr os acusados e seus r espec - ti v os comitês de candidatur a . A Confeder ação da Oceania afirmou ontem que seu pr esiden- te v ai cooper ar com a F if a nessa in v estigação . P or sua v ez, o pr e - sidente da entidade, J oseph Blat- ter , definiu a situação como “m ui- to desag r adáv el”. Inglaterr a, Rússia, Espanha e P ortugal e Holanda e Bélgica são candidatos à sede da Copa de 2018. Catar , A ustrália, Estados Unidos, J apão e C or eia do Sul disputam a sede do Mundial de 2022. A escolha das sedes das duas edições está pr e vista par a o dia 2 de dez embr o , em Zurique, apesar do ocorrido .

PREOCUPADO – O pr esidente da Fifa, Joseph Blatter , classificou a situação como “muito desagradável”

Fifa investiga dois membr os do seu Comitê Executivo por suposta cor r upção na escolha do país-sede