Entr e as canetas

-->Abra o olho, Fla. Agora não há mais Maracanã-->Não bastará tirar Silas. É pr eciso alguém bom a ponto de compensar a falta da casa r ubr o-negra-->S-->e o Flamengo f or r e bai- xado este ano , a principal r esponsáv el pela tr agédia terá sido a f alta de visão do comando do fute bol do clube quanto à impossibilidade de contar com o g r ande aliado ru- br o-neg r o nas arr ancadas dos últimos anos: o Mar acanã. Em 2007 (quando saiu da z o - na de r e baixamento par a bri- gar pela Libertador es), 2008 (quando só não c hegou à com- petição sul-americana por que Caio Júnior a busou dos err os na r eta final) e 2009 (quando conseguiu um impr o váv el títu- lo), os times do Flamengo f o - r am embalados pelos g ritos da ar quibancada e pela mística de um estádio que vir ou sua casa – f ator es que aca bar am enco- lhendo os ri v ais. Agor a, a dir etoria insistiu com Ro gério Lour enço até o ponto de não acum ular gor du- r a suficiente par a não se pr eo- cupar , enquanto podia contar com o ‘maior do m undo’. Ago- r a, insiste com Silas e v ai de- miti-lo apenas quando entr ar oficialmente na z ona do r e bai- x a m e n t o. Se é possív el se f alar em sor- te na Gáv ea, ela só e xiste por- que há outr os times que estão também loucos par a cair . O Prudente é o primeir o , este não acr edito que se li vr e. O A tlé- tico-MG é outr o , apesar do belo elenco que tem. O A v a í tam- bém está descendo a ladeir a, apar entemente sem fr eio . Os matemáticos calculam em 46 pontos o necessário par a um time não cair . F altam ao Fla 17 – cinco vitórias e dois empates, em tese, o mantém na Série A. O time ainda tem os seguintes confr on - tos: Botaf o go (neutr o), Atléti - co-GO (C), A v aí (F), Inter (C), V asco (neutr o), Corinthians (C), Ceará (F), Atlético-PR (C), Atlé - tico-MG (F), Guar ani (C), Cru - z eir o (C) e Santos (F). ele está, nos dois cálculos, como obrigação de vitória rubr o-ne- g r a. E se ela não vier? Assim, car os Zico , P atrícia Amorim e V inícius F r ança, não bastará tir ar Silas o mais rápido possív el do comando . Será pr e - ciso tr az er alguém m uito bom pa - r a f az er o time ganhar sem contar com a f orça máxima da tor cida – como já disse, o combustív el que mo v e o time desde que ele nas - ceu. A coisa tem de ser no nív el de um Muric y , que tr ansf orma times iguais aos outr os em campeões, ou de um J oel Santana, que mo - biliza um g rupo a corr er e dar a vida pelo comandante. Só que esses dois, desg r açadamente pa - r a os rubr o-neg r os estão m uito bem empr egados nos ri v ais Flu - minense e Botaf o go . Há alguns anos, quando que- ria ser apenas o melhor técnico do Br asil, V ander lei Luxembur- go seria uma boa opção . Agor a, que vir ou um -->projectman -->, já não sei... Só sei que Zico terá de tir ar um poder oso coelho da cartola – se não quiser incluir no seu intocáv el currículo o r e - baixamento do Flamengo .-->Dêem-me Muricy ...-->Em 1946, o técnico do Flumi - nense, Gentil Car doso , disse à dir etoria: “Dêem-me Ademir e eu lhes dar ei o campeonato . ” O artilheir o pernambucano v eio e o tricolor f atur ou o Estadual. Ago - r a, a impr essão que dá é que o time disse à dir etoria: “Dêem-me Muric y e eu lhes dar ei o cam - peonato”. Com um comandante desse calibr e, o tricolor só per de o Br asileir o se os coincidentes er - r os de arbitr agem pró-Corin - thians contin uar em... Houv esse a opção Mar aca - nã, o Flamengo poderia v en - cer o Atlético-GO , Atléti - co-PR, Guar ani e dois de três ri v ais mais dur os (Inter , Co - rinthians e Cruz eir o), empa - tando os clássicos. Mas não há. Outr o caminho será v en - cer seus ad v er sários dir etos na luta contr a a queda (Atlé - tico-GO , A v ai, Ceará, Atléti - co-MG e mais um), empatan - do , por e xemplo , os clássicos. Ambos os caminhos são pos- sív eis, e não poderia ser c h a- mada de z e br a tal combinação . O pr oblema é o time ser obri- gado a conseguir tais r esulta- dos. P ar a e xemplificar , o jo go seguinte ao Botaf o go é o Atlé- tico-GO , em V olta Redonda, e-->Ricar do Gonzalezr gonzalezjb.com.br