a saida é logo ali

-->FLAMENGO-->A-->Silas ganha sobr evida até o clássico de amanhã contra o Botafogo. Luxembur go na mira-->Um v elho jar gão do fute bol se fez pr esente na manha de ontem no Ninho do Urubu. Depois do empate com o Goiás e do mal estar com o elenco rubr o-neg r o , a dir etoria do Flamengo planeja v a demitir o téc - nico Silas. V ander lei Luxembur go , r ecém-degolado no Atlético-MG, é o pr eferido par a assumir car go . Mas o atual tr einador ganhou sobr e vida. P elo menos até o clássico de ama - nhã, no Engenhão , contr a o Bota - f o go . Em caso de no v o tr opeço , ele per derá o empr ego . Ontem de manhã, em V ar gem Gr ande, Silas con v er sou o g rupo , apar ando ar estas deixadas, so- br etudo , após as declar ações con- tr a J ean (“não f aço gol contr a”), que r e bateu questionando a r es- ponsa bilidade dir eta do técnico no r esultado da partida. Assim, ficou acertado que Si - las dirige o time amanhã. O f ato é que não houv e tempo hábil também par a um acerto com outr o tr einador . Luxembur go , amigo pessoal de Zico , dir etor e xecuti v o rubr o-neg r o , é o pri - meir o nome da lista. Sua iden - tificação com o clube é notória – jamais escondeu ser tor cedor do Flamengo –, só que, por or a, as con v er sas estão congeladas. É possív el que ele assuma a equipe diante de no v o tr opeço no Engenhão . Em no v e partidas à fr ente do Flamengo , Silas v enceu somen - te uma, per deu três e empatou cinco . A pr essão pela saída do técnico é g r ande. Mas, por en - quanto , tudo caminha como se nada ti v esse acontecido . O meia Renato Abr eu minimiz ou o mal estar e defendeu a per - manência do tr einador . – Ainda confiamos no Silas,-->V ipcomm-->pois se tr ata de uma pessoa tr anspar ente – comentou Rena - to . – Às v ez es, escalações não dão certo , mas ele v ai sempr e tentar escolher o que é melhor par a o Flamengo . E sobr e o mal-entendido , ti v emos uma con - v er sa, e isso já é página vir ada. O atacante Dio g o , julgado on- tem no Superior T ribunal de J u s- tiça Desporti v a (STJD), f oi a b - solvido por unanimidade e está liber ado par a atuar no clássico . Expulso contr a o São P aulo , o jo- gador f oi enquadr ado no artigo 250, que tr ata de prática desleal.-->FLUMINENSE-->Clube não abre mão do Engenhão-->Ainda que tenha sido bem r ecepcionado no campo do V ol- ta Redonda, o Fluminense não planeja mandar seus jo gos na Cidade do Aço . O clube quer v aler o acor do com o Engenhão enquanto o Mar acanã esti v er fec hado par a obr as. P or f alar em Mar acanã, a dir etoria tri- color desistiu oficialmente de tentar manter o estádio a berto até o fim do ano depois de v er o estado em que as obr as já se e n c o n t ra m .-->SEM AMBIENTE – Silas per deu a confiança do gr upo após criticar o zagueir o JeanB O TA F O G O-->Caio se diz pronto para cobranças-->Pi vô de um desentendimento com alguns jo gador es no fim do empate com o Corinthians, quarta-feir a, no P acaembu, Caio a bsor v eu as críticas e se diz pr onto par a cobr anças. O atacante f oi questionado por não ter passado a bola e tentado uma jo gada indi vidual, quando tinha companheir os bem colo- cados, no fim do jo go . – Estou tr anquilo e com a ca beça fria. Estou pr onto par a cobranças.-->saída é logo ali A saída é logo ali