descendo a ladeira

-->FLAMENGO-->Fotos Rafael Moraes-->GUARANI 1 x 0 V ASCO-->Douglas Rodrigo Hef fner Fabão Ailson Már cio Car eca Renan Paulo Rober to Apodi (Baiano) Geovane (Fabiano) Reinaldo (Ricar do Xavier) Mazola -->Técnico: -->Vagner Mancini Fer nando Prass Fagner Titi Dedé Max Nilton (Jumar) Rafael Carioca Felipe Bastos (Felipe) Zé Rober to Éder Luís Rafael Coelho (Carlos Alber to) -->Técnico -->PC Gusmão -->Local: -->Brinco de Our o da Princesa, em Campinas (SP). -->Árbitr o: -->Heber Rober to Lopes (PR/Fifa) -->Gol: -->Segundo tempo: Baiano, aos 35 minutos. -->Car tões amar elos -->: Nilton, Dedé e Zé Rober to. -->Renda: -->R$ 69.984. -->Público: -->5.594 pagantes-->>> Súmula-->VA S C O-->T ime é nova vítima do Guarani, que manteve saga de exterminar cariocas-->CAMPINAS-->O Guar ani mante v e a saga de e xterminar times do Rio que vão ao Brinco de Our o da Prin - cesa. Depois de derr otar a du - pla Fla-Flu, ontem f oi a v ez de o V asco sucumbir ao poder do Bu - g r e dentr o de Campinas. Com um gol de pênalti de Baiano , no segundo tempo , o time campi - nense v enceu os cruzmaltinos por 1 a 0, f az endo o time carioca bater na porta do z ona do r e - b a i x a m e n t o. Com o r esultado , o V asco , que pr ecisa v a que br ar a escrita de empates, agor a soma seis par - tidas sem vitória. Com 30 pon - tos, fica na 14ª posição . Na ter - ça-feir a, o compr omisso é con - tr a o Santos, em São J an uário . O gol nasceu de uma f alta polê - mica de Dedé em Ricar do Xa - vier . Baiano bateu firme, mar - cando o gol da vitória. O Flamengo de Silas tem se mostr ado pior que o de Ro gério Lour enço . P elo menos nos nú - mer os, o atual tr einador cole - ciona fr acassos. Ontem, no En - genhão , o time f oi derr otado pelo P almeir as por 3 a 1. Com 28 pontos, os rubr o-neg r os v oltam a flertar com a z ona de r e bai - xamento do Campeonato Br a - sileir o . Dorme na 15ª posição , podendo ser ultr apassado hoje pelo A v aí, que r ece be o Ceará na Ressacada. F o i a oita v a partida de Silas no comando do Flamengo . Em 24 jo gos disputados, conquis - tou apenas sete. F or am quatr o empates, três derr otas e ape - nas uma vitória (sobr e o lan - terna Grêmio Prudente). Na terça-feir a, o ad v er sário é o Goiás, no Serr a Dour ada. A derr ota custou também o fim de uma escrita f a v oráv el ao clube da Gáv ea. F oi o décimo jo go do Flamengo no Engenhão . A té en- tão , o Flamengo ha via v encido sete v ez es e empatado duas.-->Palmeiras no ataque-->Quando a bola r olou, lo go se viu um P almeir as acostumado a jo gar bem f or a de casa. T em sido assim na competição . E aos 18 min utos, o zagueir o Da vid cometeu pênalti em T inga. Kle - ber cobr ou no meio do gol, a brindo o placar . O Flamengo acusou o golpe. Sem conseguir criar jo gadas e c hegar até o gol palmeir ense, as bolas no m eio campo er am todas do time de Luiz F elipe Scolari. Num rápido contr a-ataque, Kle- ber r ece beu na intermediária, a v ançou e, da entr ada da ár ea, c hutou cruzado , na saída de Mar- celo Lomba: 2 a 0. O Flamengo assustou somente com Renato , aos 34, n uma conclu - são de primeir a, de f or a da ár ea. No último min uto , Kle ber te v e a c han - ce de definir o mar cador . Mas a finalização capric hosamente saiu pela linha de fundo .-->FLAMENGO 1 x 3 P ALMEIRAS-->Mar celo Lomba léo Moura Jean David Braz Juan (Vitor Sabá) Toró (Cor r ea) Willians Kleberson Renato (Petkovic) Diogo Deivid -->Técnico: -->Silas Deola Vitor Fabricio Danilo Gabriel Silva Edinho Már cio Araújo (Rivaldo) Mar cos Assunção Tinga (Pier r e) Valdivia (Lincon) Kleber -->Técnico -->Luiz Felipe Scolari -->Local: -->Engenhão. -->Árbitr o: -->André Luiz Castr o (GO). -->Gols: -->Primeir o tempo: Kleber , aos 18 e 29 minutos. Segundo tempo: Petkovic, aos 34 minutos; e Lincon, aos 44. -->Car tões amar elos -->: David Braz, Jean, Kleber , V aldívia, Fabrício e Vitor . -->Renda: -->R$ 335.565,00. -->Público: -->9.894 pagantes-->>> Súmula-->Zico vai ao vestiário no inter valo-->Dur ante o inter v alo , Zico apa- r eceu no v estiário . O time v oltou com Corr ea no lugar de T oró. O P almeir as, administr ando o r esul- tado , permitiu que os donos da casa c hegassem com perigo . A os 34, P etk o vic dimin uiu, de pênalti. Lo go se pensou n uma r eação , o que fez o rubr o-neg r o se lançar ao ataque. Num descuido , aos 44, Lincon escor ou passe de Ri v aldo par a mar car o ter ceir o .-->ABA TIMENTO -->– Renato obser va os jogador es do Palmeiras comemorar em. Abaixo, o técnico Silas inconfor mado com a má atuação do time-->Descendoa ladeira-->Era Silas é mar cada por tr opeços. Time per de no Engenhão por 3 a 1 para o Palmeiras