Humberto Costa cai para 32%, mas ainda lidera em Recife

O senador Humberto Costa (PT) é o candidato a prefeito de Recife preferido por 32% dos eleitores, de acordo com a terceira rodada de pesquisas divulgada pelo Ibope nesta quinta-feira e realizada a pedido da Globo Nordeste e do jornal Folha de Pernambuco. Geraldo Júlio (PSB), candidato do governador Eduardo Campos (PSB), cresceu mais uma vez, e passou dos 12% da pesquisa também do Ibope divulgada em 3 de agosto para 16% agora, empatando com Mendonça Filho (DEM), que tem o mesmo percentual de intenções de voto.

Daniel Coelho (PSDB) foi citado por 10% das pessoas. Com o índice, interrompe a tendência de queda, em que chegou a ter 7%, e volta a crescer. Esteves Jacinto (PRTB) teve 2% das intenções, crescendo 1% em relação ao início do mês. Edna Costa (PPL) e Roberto Numeriano (PCB) continuam 1% cada um. Jair Pedro (PSTU) não atingiu 1%. Afirmaram que vão votar em branco 15% dos entrevistados e 8% declararam que não sabem ainda quem será o candidato.

A pesquisa criou duas simulações de segundo turno e Humberto teve o maior índice de intenções de votos nos dois cenários. O senador do PT teria 47% dos votos se enfrentasse Mendonça Filho, que ficaria com 30%. Brancos representam 17% e não sabem em quem votar são 5% dos consultados.

Em um segundo turno entre Humberto Costa e Geraldo Júlio, a vantagem do candidato do PT é maior. Humberto teria 49% das intenções de votos nessa situação, enquanto Geraldo Júlio teria 26%. Entre os entrevistados, 17% votariam em branco e 7% disseram não saber em quem votar.

No histórico das últimas três pesquisas do Ibope, Humberto tinha 40% inicialmente, passou a somar 35% e agora está com 32%. Mendonça marcou 20% nas duas primeiras consultas e agora marca 16%. Geraldo começou com 5%, passou para 12% e agora está com 16%. Daniel Coelho tinha 9%, passou para 7% e agora tem 10%. A primeira pesquisa foi feita nos dias 16 e 17 de julho e o segundo levantamento entre os dias 31 de julho e 2 de agosto.

A pesquisa atual também investigou em qual candidato o entrevistado não votaria. Mendonça Filho e Edna Costa têm 25% de rejeição, Humberto é citado por 23%, Daniel Coelho por 18%, e Geraldo Júlio por 14%. Votariam em qualquer um dos candidatos 13%. Disseram não saber em quem não votaria 16% das pessoas.

A pesquisa foi protocolada no Tribunal Regional Eleitoral sob número 0068/2012 no dia 11. A margem de erro é três pontos percentuais para mais ou para menos. Foram entrevistadas 805 pessoas entre os dias 13 e 15.