Gilberto Carvalho compara Haddad a Dilma para responder a Alckmin

Em resposta à crítica do governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB), de que São Paulo "não é terra para candidato de bolso do colete", feita durante a convenção do PSDB, a qual oficializou a candidatura de José Serra à prefeitura da capital paulista, o ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho respondeu comparando a candidatura de Fernando Haddad à de Dilma Rousseff, em 2010.

"Não vou bater boca com o governador Alckmin. Quero lembrar que uma certa candidata tida e havida como bolso de colete hoje dá um show de governar o Brasil. Portanto, acho bom ter muita prudência nessas avaliações", disse Carvalho.

O embate em São Paulo colocará em disputa a experiência de José Serra, ex-prefeito e ex-governador de São Paulo contra o ex-ministro da Educação do governo Lula (PT), que enfrenta pela primeira vez uma disputa eleitoral. Assim como quando da escolha de Dilma Rousseff para concorrer à presidência da República, a participação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi decisiva para a escolha de Haddad para representar o PT.