Serra afirma que a eleição será definida em Minas Gerais

 

O candidato do PSDB à presidência da República, José Serra, afirmou em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, que a eleição presidencial será decidida em Minas Gerais e pediu o apoio de seus eleitores para convencer os indecisos e aqueles "que não estão muito firmes" com a outra candidatura.

Serra ficou cerca de uma hora na cidade e fez um breve discurso na sede do Uberlândia Clube, na região central. Ao lado dos senadores eleitores Itamar Franco (PMDB) e Aécio Neves (PPS), o tucano ressaltou que o futuro do Brasil deve ser decidido em Minas Gerais. "O que eu peço a vocês é que até domingo convençam os indecisos e quem não está muito firme do outro lado. Quem trabalha na saúde precisa conseguir pelo menos cinco votos e as meninas bonitas, quinze. É só mandar uma mensagem para a lista de pretendentes e dizer que aquele que terá mais chances é quem vota em mim", disse o candidato.

Mineiramente, o ex-presidente Itamar Franco procurou tirar o peso das costas de Minas Gerais caso Serra não vença. "Minas vai somar com os outros Estados. A eleição não será definida somente aqui", afirmou.