TSE registra 42 prisões em todo o país por crime eleitoral

O tribunal Superior Eleitoral registrou até o momento 103 ocorrências de incidentes em todo o Brasil. Os casos se referem à boca de urna, divulgação de propaganda e realização de comícios ou carreatas, transporte ilegal de eleitores e compra de votos. 42 pessoas foram presas em flagrante em todo o país. Nenhuma das pessoas presas eram candidatos.

As detenções ocorreram em Alagoas (1), Bahia (7), Distrito Federal (11), Mato Grosso do Sul (2), Minas Gerais (12), Paraná (4), Rio de Janeiro (3) e Rio Grande do Norte (1) , Riop Grande do Sul (1). Outras 61 pessoas foram autuadas pelos delitos, mas sem prisão.

O TRE-Rj chegou a divulgar pela manhã que tinha 100 pessoas detidas. Na verdade, O número de pessoas encaminhadas para a delegacia foi maior, mas poucas permaneceram detidas.