Tiririca ultrapassa 1 milhão de votos na corrida pela Câmara

Com 78,70% das urnas apuradas em São Paulo, Tiririca (PR) é o candidato mais votado para uma das 70 vagas de deputado estadual que o Estado tem direito, com 6,18% dos votos válidos, correspondentes a 1.036.411 de eleitores.

Desde o começo da campanha, o candidato causou polêmica com sua campanha no horário eleitoral com seu bordão: "Vote no Tiririca, pior que tá, não fica".

Com o desenrolar da campanha, teve o nome contestado até por companheiros de coligação. O senador e candidato ao governo, Aloizio Mercadante, cabeça da chapa que Tiririca participa, por vezes criticou a atitude do candidato ao senado.

Ele é seguido por Gabriel Chalita (PSB) com 2,75%. Na sequência, aparecem Rodrigo Garcia (DEM), Paulinho da Força (PDT), João Paulo Cunha (PT), Rodrigo Garcia, Jilmar Tatto e Ota (PSB).