Rio: mais 14 pessoas são presas suspeitas de crime eleitoral

Rio de Janeiro – Mais 14 pessoas foram detidas no Rio de Janeiro suspeitas de praticar crime eleitoral na manhã de hoje (3). De acordo com o último boletim divulgado pelo corregedor regional Eleitoral, juiz Luiz de Mello Souza, três foram presas em flagrante no município de Queimados, na Baixada Fluminense, fazendo boca de urna.

De acordo com informações do Tribunal Regional Eleitoral, duas horas do início da votação, já haviam sido registrados problemas em 26 urnas, que precisaram ser substituídas, sendo 14 na capital, em bairros como Jardim Botânico, na zona sul, Barra da Tijuca e Santa Cruz, na zona oeste.

Além disso, houve queda de energia em dois locais de votação – Belford Roxo e Olaria – mas o fornecimento já foi restabelecido.