Lula diz achar estranho votação sem seu nome na urna

São Paulo - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta manhã ter estranhado participar de uma votação sem o nome dele na urna. Lula votou Escola Estadual Dr João Firmino Correia de Araújo, bairro Assunção, em São Bernardo do Campo (SP). Lula foi candidato à presidência em todas as eleições desde 1989.

"Só lamentei que é a primeira vez que vou votar e não tem a minha cara no telão (referindo-se à urna eletrônica) desde que foram reestabelecidas as eleições para presidente da República em 1989, mas eu tenho representantes tanto no governo do Estado, como no federal", disse o presidente.

Lula disse acreditar na vitória da candidata do PT à presidência, Dilma Rousseff, no primeiro, "mas caso isso não aconteça, serão mais 30 dias de luta, de campanha". O presidente lembrou que nas duas eleições que venceu não ganhou no primeiro turno.

"É muito difícil conseguir 50% dos votos em um País tão grande, como o Brasil", disse Lula. O presidente disse estar confiante também na presença do candidato petista ao governo de São Paulo, Aloísio Mercadante, no segundo turno.

Lula saiu da votação direto para o aeroporto de Congonhas e pretende acompanhar a apuração em Brasília.