TRE da Paraíba proíbe caminhada das mulheres com José Maranhão

Os juízes do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) proibiram que a Coligação "Paraíba Unida", que tem como candidato à reeleição o governador José Maranhão (PMDB), realizasse uma caminhada de mulheres na tarde desta sexta-feira (14), no bairro do Varadouro, em João Pessoa.

A decisão da Corte foi por unanimidade e teve como base uma determinação do juiz da 64° Zona Eleitoral, Marcos Jatobá, que proíbe arrastões e carreatas no Centro de João Pessoa nos dias úteis, até a véspera das eleições. Isso para que a população não seja prejudicada com os transtornos gerados com as atividades.

O corregedor Carlos Neves da Franca Neto já havia negado pedido de liminar da Coligação para a realização da caminhada. "Não houve ilegalidade na proibição. Houve apenas um disciplinamento de como se daria a propaganda eleitoral nas localidades onde há intenso fluxo de veículos".

Os advogados da Coligação alegaram que a medida adotada pelo juiz eleitoral da 64° Zona feriu a igualdade dos concorrentes na disputa eleitoral, posto que a Coligação adversária teria sido autorizada a realizar evento político, da mesma natureza, na data no dia 22 de setembro.