TRE-PE institui rodízio para propagandas eleitorais nas ruas

Ed Ruas, Portal Terra

RECIFE - A comissão de juízes da propaganda eleitoral do Recife instituiu, nesta quarta-feira (8), um rodízio para a utilização de propaganda eleitoral nas principais vias da capital. De acordo com a juíza eleitoral Ana Claudia Brandão, coordenadora da comissão, a proposta foi acatada por todas as coligações que disputam a eleição no Estado. "Os militantes estavam brigando entre si para guardar o lugar e pegar o melhor espaço para o candidato. Dividimos os principais espaços em três blocos (áreas) e cada coligação terá direito a ocupar o espaço no dia determinado através de sorteio", disse.

Ana Claudia Brandão acredita que ação também pode diminuir a quantidade de material de propaganda apreendido. O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TER-PE) recolhe diariamente placas e cavaletes em locais irregulares, que impedem a livre circulação de pedestres. "Já fora apreendidas mais de 1.700 placas e cavaletes de candidatos no Recife. Temos a esperança que com esse rodízio a quantidade de propaganda vai diminuir na rua, o que vai dar aos cidadãos mais espaço", declarou a juíza.

A fiscalização, segundo Ana Claudia Brandão, também se tornará mais eficiente, pois o adversário que perceber que um dos candidatos quebrou a regra poderá denunciar prontamente. Apesar do rodízio, a juíza alertou que os militantes que insistirem em colocar propagandas em locais proibidos vão ter o material apreendido. A nova regra vai até o dia 2 de outubro e começa a vigorar nesta quinta-feira (9).