Serra afirma que segurança nacional está "praticamente largada"

Portal Terra

S O PAULO - O candidato do PSDB à Presidência, José Serra, afirmou que "o governo federal deve comprar a luta" da segurança pública e que isso não deve ficar por conta dos estados. "A segurança no Brasil, no plano nacional, está praticamente largada. Isso precisa mudar. A cocaína no Brasil abaixou 50 vezes de preço nos últimos anos", afirmou o tucano, durante o terceiro bloco do debate Estadão/Gazeta, realizado na noite desta quarta-feira.

O presidenciável do Psol, Plínio de Arruda Sampaio, disse que há dinheiro suficiente para se aplicar 10% do PIB na educação. "É só não pagar os juros da dívida como eles estão pagando", afirmou. Depois, acrescentou que é necessário melhorar a distribuição de renda. "Educação custa caro. E tem que botar 10% do PIB, dinheiro tem. Não se iluda".

Ao ser perguntada sobre economia e desenvolvimento, a candidata do PV, Marina Silva, afirmou que é necessário repensar a maneira de produzir e que não há incompatibilidade entre desenvolvimento e meio ambiente. ''A incompatibilidade é continuarmos achando que o desenvolvimento deve ser feito em prejuízo aos recursos

naturais'', disse.