RJ: Gabeira critica Cabral e diz que UPP não resolve segurança

Portal Terra

RIO - O candidato do PV ao governo do Rio de Janeiro, Fernando Gabeira, criticou na manhã desta quinta-feira (9), durante entrevista para a rádio CBN, a gestão do governador e candidato a reeleição pelo PMDB, Sérgio Cabral, e disse que as UPPs (Unidades de Polícia Pacificadora) não uma solução para a segurança pública. "Se o eleitor acha que as UPPs vão resolver o problema do tráfico e acredita no que o Sérgio Cabral disse, que vai criar uma UPP em cada comunidade, eu o convido a pensar nos números", declarou, acusando o peemedebista de não ter um plano de governo: "existe plano estadual hoje do governo Cabral? Não existe!".

Gabeira acusou o atual governador de buscar "soluções mágicas" para os principais problemas do Rio. "A UPA (Unidade de Pronto Atendimento), a UPP e os computadores que ele deu para os alunos são tentativas de buscar solução simples para problemas complexos. Não quer dizer que as UPAs, as UPPs e os computadores não funcionem, mas eles não resolvem o problema da saúde, da segurança e da educação (...). Isso tem que mudar com um projeto do Estado".

Questionado sobre a baixa popularidade nas pesquisas de intenção de voto, o candidato comparou sua trajetória com a do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. "O Lula também foi rejeitado várias vezes. Agora faz uma gestão de oito anos e ainda tem a pretensão e uma possibilidade real de eleger sua sucessora".

Durante entrevista, Gabeira também afirmou que, se eleito, a ocupação dos cargos em seu governo não vai depender de partido ou coligação, mas de "competência e honra". O candidato elogiou ainda a gestão tucana em São Paulo. "Eu gosto das saídas que o PSDB dá para a educação em São Paulo. Eu gostaria muito que o PSDB também ajudasse com suas ideias", enfatizou.