No rádio, candidatos ao governo do Piauí evitam Serra e exaltam Lula

Portal Terra

TERESINA - No primeiro dia de apresentação de propostas ho horário eleitoral gratuito, os candidatos ao governo do Piauí adotaram estratégias diferentes para seus programas de rádio. Enquanto Dilma Rouseff (PT) foi citada quase à exaustão, José Serra (PSDB) passou despercebido pelos programas dos candidatos ao governo, assim como dos candidatos a deputado estadual e ao Senado Federal.

O primeiro candidato a falar no programa de rádio na manhã desta quarta-feira foi Sílvio Mendes (PSDB). Ele explorou bastante sua experiência como prefeito de Teresina, assim como fez críticas indiretas à administração atual. Não mencionou José Serra durante o seu programa uma única vez e fez questão de apresentar-se como o candidato capaz de fazer o Piauí passar por um processo de crescimento.

João Vicente Claudino (PTB), por sua vez, dedicou o primeiro programa eleitoral às cidades de Teresina e Parnaíba, que fizeram aniversário recentemente. Além de não citar José Serra, que o PTB apoia nacionalmente, João Vicente Claudino foi mais longe: utilizou uma fala do presidente Lula em seu programa. O presidente elogiou o candidato, mas não fez pedido explícito de voto, apenas considerou-o como um "parceiro".

Entre Sílvio Mendes e João Vicente Claudino, o PSOL não apresentou seu programa, assim como o PMN e PCO, que ficaram com o tempo vago. Avelar (PSL) dedicou seu tempo a pedir votos em um tom mais religioso.

Com o apoio do PT na chapa, Wilson Martins (PSB) definiu-se como "o candidato do Lula". Ele contou sua história e apresentou mensagens de Lula e Dilma pedindo votos para ele.