Publicadas regras do 5ª leilão do pré-sal

A ANP liberou, ontem, o pré-edital e as minutas de contratos da 5ª rodada de licitações do pré-sal, que acontece no dia 28 de setembro. Serão leiloadas quatro áreas: Saturno, Titã, Pau-Brasil e Sudoeste de Tartaruga Verde. Todas tem alto potencial. As duas últimas foram rejeitadas na 2ª e 3ª rodadas. 

O campo de Saturno, que foi retirado da 4ª rodada,  é um dos mais valiosos. O bônus de assinatura previsto, ou seja, o valor pago na assinatura do contrato, é de R$ 3,125 bilhões. Já percentual mínimo de óleo lucro à União não é tão alto: 9,56%. Estes valores podem mudar após o período de consulta e a audiência pública do próximo dia 13.

Para arrematar Titã, os consórcios terão de desembolsar os mesmos R$ 3,125 bilhões. Apesar disso, o mínimo de excedente da área é de 5,8%. Menor da história, o índice pode atrair as empresas.

Os sobrantes Pau-Brasil e Sudoeste Tartaruga-Verde tiveram bônus fixados em R$ 500 milhões e R$ 70 milhões respectivamente. Estes valores foram reduzidos depois que as áreas passaram incólumes por outras rodadas. Apesar disso, Pau-Brasil deve ter o excedente mínimo mais alto da rodada: 24,82%. Em Sudoeste de Tartaruga o percentual será de 10,01%.