BNDES já provisionou 70% dos R$ 2,6 bi financiados com aeroporto de Viracopos

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) já provisionou em seu balanço cerca de 70% dos R$ 2,6 bilhões que tem em financiamentos (crédito mais debêntures) à concessionária do Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), informou nesta terça-feira, 8, o presidente da instituição de fomento, Dyogo Oliveira.

Segundo o executivo, o banco de fomento trabalha para atrair um novo investidor privado, interessado em comprar a fatia dos atuais controladores da concessionária. "A expectativa que temos é de trabalhar para encontrar uma solução de mercado para o projeto", afirmou Oliveira, em encontro com jornalistas na sede do BNDES, no Rio.

Segundo ele, em reuniões com o BNDES, empresas "têm manifestado interesse" no projeto. O banco de fomento já se reuniu com quatro companhias estrangeiras, de "várias origens", como asiáticas e europeias, disse Oliveira.

O presidente do BNDES e seu diretor jurídico, Marcelo Siqueira, também lançaram dúvidas sobre o processo de recuperação judicial ser o melhor caminho para os problemas da concessionária.

Dyogo Oliveira lembrou que ainda não está claro se a dívida da operadora do aeroporto com a União, referente às outorgas da concessão, entrarão na recuperação.