PetroRio anuncia negociação com ações de própria emissão

A PetroRio informa, em nota divulgada nesta segunda-feira (6), que os membros do Conselho de Administração da Companhia aprovaram, em reunião realizada nesta data, novo período para a negociação com ações de emissão da própria Companhia, para permanência em tesouraria, cancelamento e/ou posterior alienação, em conformidade com a Instrução nº CVM 567, de 17 de setembro de 2015 ("ICVM 567"). 

De acordo com a companhia, a autorização outorgada tem por principais objetivos (i) gerar valor para os acionistas por meio de uma adequada administração da estrutura de capital da empresa; (ii) reduzir a atual volatilidade na cotação das ações; (iii) viabilizar que o preço de mercado das ações reflita mais apropriadamente o valor intrínseco da Companhia; (iv) otimizar os recursos da Companhia; e (v) possibilitar o cumprimento de eventual plano de remuneração baseado em ações. 

Poderá ser adquirida a quantidade máxima de 624.024 (seiscentas e vinte e quatro mil e vinte e quatro) ações ordinárias em circulação na B3, observados os limites máximos previstos na legislação em vigor e na ICVM 567, conforme alterada. O prazo máximo para a liquidação das operações previstas será de dezoito meses, a contar da presente data. 

A PetroRio pretende utilizar corretoras de reputação no mercado, incluindo, mas não se limitando às corretoras BTG Pactual CTVM S.A., Itaú Corretora de Valores S/A, Santander Corretora de Câmbio e Valores Mobiliários SA, XP Investimentos CCTVM S/A e Guide Investimentos S.A. CV. A