Bolsas da Ásia encerram pregão em alta, após recordes em Nova York

As bolsas do sudeste asiático encerraram o pregão em alta nesta quinta-feira (26), após mais um dia de recordes nos mercados de Nova York. Nesta quarta, os três principais índices acionários de Wall Street encerraram os negócios em níveis inéditos e o Dow Jones ficou acima de 20.000 pontos pela primeira vez na história.

O bom humor em Nova Iorque e, consequentemente, na Ásia, veio em meio a expectativas renovadas de que presidente dos EUA, Donald Trump, cumprirá promessas eleitorais de adotar medidas de estímulos fiscais e de desregulamentação.

Na China, o índice Xangai Composto teve alta de 0,31%, a 3.159,17 pontos, já o menos abrangente Shenzhen Composto subiu 0,70%, a 1.917,32 pontos. Em Tóquio, o Nikkei teve alta de 1,81%, a 19.402,39 pontos.

Em outras partes da Ásia, o Hang Seng avançou 1,41% em Hong Kong, a 23.374,17 pontos. O sul-coreano Kospi subiu 0,81% em Seul, a 2.083,59 pontos, e o filipino PSEi apresentou ganho marginal de 0,13% em Manila, a 7.332,64 pontos. O mercado de Taiwan não operou hoje, devido a feriado no país.