Preços do petróleo caem com divulgação do crescimento do estoque dos EUA

Preços do petróleo caem com divulgação do crescimento do estoque dos EUA

Os contratos futuros dos barris de petróleo negociados em Londres e Nova York operam em queda nesta quarta-feira (25), depois da divulgação dos estoques norte-americanos reforçarem as expectativas de que o aumento da produção de petróleo de xisto este ano reduziria o impacto dos cortes na produção feitos pela Opep e outros grandes exportadores.

Os dados semanais do Instituto de Petróleo Americano (API, na sigla em inglês) no final de terça revelaram que os estoques de petróleo, gasolina e diesel dos EUA subiram mais do que o esperado na semana passada. Além disso, a Administração de Informação de Energia (EIA) do governo dos EUA deve relatar seus próprios dados às 15h30 (horário de Brasília) e os comerciantes devem verificar se os números oficiais confirmam os números da indústria.

Às 9h24 (de Brasília), o petróleo WTI para março, contrato mais líquido, caía 0,98%, a US$ 52,66 o barril, na New York Mercantile Exchange (Nymex). No mesmo horário, o Brent para março registrava baixa de 0,97%, a US$ 54,90 o barril, na ICE.

Às 14h04, o barril de Brent tinha queda de 0,05%, a US% 55,41. O barril de WTI tinha queda de 0,04%, no mesmo horário, a US$ 55,42.