Para Moody's, América Latina vai sofrer pouco impacto com Brexit

Agência apontou os limitados laços comerciais dos países da região com o bloco europeu

Para a agência de classificação de risco Moody's, a saída do Reino Unido da União Europeia - o Brexit - não deve impactar a América Latina. Em relatório, a empresa informou que os países latinos possuem limitados laços comerciais com o bloco europeu.

A agência prevê que as exportações latino-americanas para o Reino Unido e União Europeia respondem por apenas 0,2% e 1,7% do Produto Interno Bruto (PIB) da região.

Para a Moody's, o principal risco está relacionado aos preços da commodities, que devem ser pressionados, mas sem causar grandes abalos à economia latina.