Petrobras registra prejuízo de R$ 1,246 bilhão no 1º trimestre

Resultado representa melhora na comparação com três meses anteriores

A Petrobras registrou prejuízo líquido de R$ 1,246 bilhão no 1º trimestre de 2016, de acordo com divulgação da estatal nesta quinta-feira (12). De acordo com a companhia, a perda foi aprofundada por conta das perdas de R$ 9,579 bilhões em gastos com juros cambiais, redução de 7% na produção de petróleo e gás natural, aumento nas despesas com depreciação e queda de vendas no mercado doméstico.

Ainda que o resultado tenha sido negativo, o montante é melhor em comparação aos três meses anteriores, quando a Petrobras teve prejuízo de R$ 36,9 bilhões. Já em relação ao ano passado, o resultado chama a atenção. Nos três primeiros meses de 2015, a estatal teve lucro líquido de R$ 5,330 bilhões.

A estatal divulgou baixa de 7% na produção total de petróleo e gás natural, para 2,616 milhões de barris de óleo por dia. A produção de derivados por dia ficou estável, em 1,958 milhão de barris por dia.

A queda nos preços dos barris de petróleo também pressionaram o resultado da estatal. A área de exploração e produção teve prejuízo de R$ 605 milhões. No ano anterior, o lucro tinha sido de R$ 3,413 bilhões no mesmo período.

Um dos resultados positivos nesse balanço diz respeito à área de abastecimento, que com a alta da gasolina, teve lucro de R$ 7,976 bilhões, um acréscimo de 29% no comparativo com os três primeiros meses de 2015. As exportações de barris também tiveram alta, de 14%.