Petróleo oscila nesta quinta-feira

Os preços dos barris de petróleo registram alta volatilidade nas negociações desta quinta-feira (31). Nas primeiras horas da manhã, os preços indicavam direções diferentes. Contudo, por volta das 9h20, a tendência começou a ser de alta. 

Às 9h28, o barril de Brent estava com alta de 0,80%, a US$ 40,37. No horário, o produto de WTI tinha leve alta de 0,10%, a US$ 38,36.

Por volta das 10h, os preços mostravam queda. Às 10h05, a commodity do Mar do Norte recuava 0,12%, a US$ 40. Já a produção do Texas sofria desvalorização de 0,91%, a US$ 37,97.

Às 15h, o Brent subia 1,45%, a US$ 40,63, ao mesmo tempo em que o WTI 0,68%, a US$ 38,58.

Às 16h36, o petróleo do Mar do Norte avançava 0,62%, a US$ 40,30, enquanto o WTI se valorizava em 0,40%, a US$ 38,44. 

A divulgação da Administração de Informação de Energia dos EUA de que houve aumento de 2,3 milhões de barris no estoque dos EUA e as possibilidades de um encontro entre os países integrantes da OPEP, com possibilidade de corte na produção, influenciam o mercado. 

Na véspera, os preços fecharam com tendências opostas. o barril de Brent caiu cerca de 1,5%, o WTI só teve valorização de 0,1%. O novo aumento nas reservas de petróleo dos Estados Unidos, que cresceram na semana passada em 2,3 milhões de barris, foram determinantes para o fraco resultado, em uma sessão marcada pela oscilação. 

O barril de Brent fechou em baixa de 1,48% no mercado de futuros de Londres, cotado a US$ 39,26. O WTI, por outro lado, fechou em alta de 0,1%, cotado US$ 38,32.