Bolsas chinesas fecham em alta nesta segunda

Setor imobiliário alavancou o crescimento nas sessões na China

As bolsas da China terminaram a sessão desta segunda-feira (22) em alta.Investidores estavam otimistas com a substituição do chefe do órgão regulador do mercado de capitais. Os mercados acreditam que o governo está disposto a tomar medidas para estimular a economia.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 2,2%, a 3.118 pontos. Já o SSEC, em Xangai, registrou alta de 2,37%, a 2.927 pontos.

No restante do continente, o cenário também foi de valorização. Em Tóquio, o índice Nikkei avançou 0,9%, a 16.111 pontos. O índice Hang Seng, em Hong Kong, subiu 0,93%, a 19.464 pontos.

Em Seul, o índice Kospi teve alta de 0,01%, a 1.916 pontos. Em Taiwan, o índice Taiex subiu 0,02%, a 8.326 pontos. Em Cingapura, o índice Straits Times cresceu 0,14%, a 2.660 pontos.

Na sexta, principais bolsas asiáticas fecharam em baixa

As bolsas da Ásia tiveram leve recuo nesta sexta-feira (19). No entanto, no acumulado semanal, as ações do continente tiveram alto desempenho. 

Em Tóquio, o índice Nikkei recuou 1,42%, a 15.967 pontos. No acumulado da semana, o ganho foi de 6,8%. O CSI300, que reúne companhias listadas em Xangai e Shenzhen, teve queda de 0,07%, a 3.051 pontos, mas subiu 3% na semana. E o índice de Xangai caiu 0,05%, a 2.821 pontos, e valorizou 3,5% no acumulado semanal.

Em Hong Kong, o índice Hang Seng teve recuo de 0,40%, a 19.285 pontos. Em Seul, o índice Kospi teve valorização de 0,39%, a 1.916 pontos. Em Taiwan, o índice Taiex avançou 0,12%, a 8.325 pontos. Em Cingapura, o índice Straits Times caiu 0,03%, a 2.656 pontos. Em Sydney, o índice S&P/ASX 200 desvalorizou 0,79%, a 4.952 pontos.