Representantes da Petrobras participaram da Conferência Mundial de Gás na França

Quatro representantes da Petrobras participaram nesta quarta-feira (3) da Conferência Mundial de Gás (World Gas Conference – WGC 2015), em Paris, na França. A conferência é o maior evento sobre gás natural do mundo e reúne, a cada três anos, os principais especialistas no setor. Os participantes apresentaram um panorama da indústria de gás natural no Cone Sul, falaram sobre produção de fertilizantes, além de investimentos e regimes fiscais para a produção de gás convencional e não convencional.

A consultora Gisele Mello Senra Rodrigues e a administradora Gisela Andrade de Oliveira, das áreas de Gás e Energia e Internacional, respectivamente, ressaltaram que os investimentos no pré-sal, no gás não convencional na Argentina e em novos desenvolvimentos do setor na Bolívia serão decisivos para garantir o suprimento de gás natural no Cone Sul (Brasil, Argentina, Bolívia, Uruguai e Chile) nos próximos anos.

A coordenadora Cristiane Lodi, da área de Gás e Energia da Petrobras, ressaltou que a experiência operacional acumulada na produção de fertilizantes, o uso de boas praticas de fabricação e a adoção do estado da arte em tecnologia para produção de amônia e ureia resultaram em projetos extremamente econômicos em consumo de energia.  

Ainda ontem, o consultor da área de exploração e produção da Petrobras, Marcos de Freitas Sugaya, membro da International Gas Union (IGU), organização responsável pelo evento, presidiu as sessões "Gas on gas competition and upstream investment" (Competição de gás e investimento) e "Fiscal regimes for the production of conventional and unconventional gas" (Regimes fiscais para a produção de gás convencional e não convencional), nas quais foram discutidas políticas precificatórias, modelos contratuais e regimes fiscais para a exploração e produção de gás natural.