Espanha sai da recessão com crescimento de 0,1% no 3º trimestre

A Espanha saiu da recessão, que enfrentava há dois anos, no terceiro trimestre, com um crescimento de 0,1% do Produto Interno Bruto (PIB), segundo o resultado definitivo divulgado nesta quinta-feira.

A tímida saída da recessão foi provocada principalmente pelas exportações, mas a economia segue afetada por uma demanda interna baixa, anunciou o Instituto Nacional de Estatísticas (INE).

Apesar do retorno ao crescimento, o desemprego permanece como o grande drama da economia espanhola, com uma taxa de 25,98% no terceiro trimestre.

A economia espanhola estava em recessão desde o início de 2011, a segunda em cinco anos.

Para o conjunto do ano, o governo conservador do Partido Popular prevê um retrocesso do PIB de 1,3%.