Rio Franchising acompanha crescimento do setor, que responde por 2,3% do PIB

Com um aumento de 12% no número de expositores e uma estimativa de público 10% acima do fluxo de visitantes de 2012, a Rio Franchising Business acompanha o crescimento do setor no Brasil, que já representa 2,3% do PIB brasileiro.

A feira, que será realizada de 26 a 28 de setembro, das 14h às 21h, no Pavilhão 2 do Riocentro, deverá gerar negócios no valor de R$ 180 milhões (18% a mais que em 2012). Este crescimento é atribuído à qualificação dos visitantes, já que mais de 80% são investidores em busca da melhor oportunidade de negócios, segundo pesquisa realizada no evento na edição anterior.

De 2011 para 2012, o setor de franquias no Brasil cresceu 19,4%, atingindo 2.426 redes, que faturaram R$ 103 bilhões, o que levou o País a subir uma posição no ranking mundial, passando a ocupar o terceiro lugar, superado apenas pela China e pelos Estados Unidos. O Brasil também está presente no exterior, com 112 redes atuando em 53 países em todos os continentes. Para 2013, a expectativa é de um crescimento de 14% em faturamento, 10% em novas redes e 10% em novas unidades, segundo a ABF, que estima ainda para este ano mais 11% na geração de novos postos de trabalho.

Destaques

Entre os setores que mais expandiram o faturamento do ano passado para cá estão hotelaria e turismo (97,8%), limpeza e conservação (44,5%), informática e eletrônicos (32,5%), Educação e Treinamento, com 10,3%. Os dois primeiros, em decorrência dos eventos esportivos que o Brasil sediará e o terceiro em decorrência da ampliação do poder de compra da população das classes C e D. O segmento gerou mais 103 mil novos postos de trabalho diretos (aumento de 12,3%), totalizando 941 empregos diretos e 3.764.000 empregos indiretos. 

O Rio de Janeiro é o segundo maior mercado de franquias do Brasil, tendo crescido 17,7% no faturamento e 17% do número de redes, em 2012, superado apenas por São Paulo. Negócios, serviços e outros varejos representam 30% do faturamento no Estado do Rio, enquanto alimentação engloba outros 20,8%, sendo a rede de fast food Bob’s a segunda do ranking geral, com 234 lojas.

Para o presidente da ABF-Rio, Beto Filho, a feira é o reflexo do grande momento do Franchising no país. “O sistema de franquia brasileiro é, hoje, uma realidade incontestável e crescente. O crescimento das franquias se dá principalmente pelo cenário econômico favorável no país. A feira é um termômetro perfeito, principalmente para os investidores que poderão perceber na movimentação das negociações o excelente momento do sistema”, declarou.

Em sua sétima edição, a Rio Franchising Business ocupará 12.000m², mantendo como diferencial o formato show room, que oferece a mesma visibilidade para as mais de 250 marcas. Para os interessados em entender melhor este universo ou aprimorar seus conhecimentos, o Fórum de Franchising, em sua segunda edição, oferecerá palestras sobre os aspectos estratégicos, financeiros e de marketing do setor de franchising.

Segmentos representados

Estarão representados os setores de acessórios pessoais e calçados; alimentação, beleza, saúde e produtos naturais, comunicação, informática e eletrônicos, construção, limpeza e conservação, materiais e serviços, consultorias, cosméticos e perfumaria, educação e treinamento, entretenimento, escolas de idiomas, hotelaria e turismo, móveis, decorações e presentes, shopping centers e vestuário, entre outras.

Rubens Slaviski, Diretor de Negócios da Fagga, destaca as vantagens de se investir no setor: “Investir no franchising é uma das formas mais seguras de ter um negócio próprio. O franqueado pode contar com uma marca consolidada, além de treinamento e suporte técnico na implantação e desenvolvimento do negócio. Os perfis de candidatos a abrir uma franquia são bem variados, indo desde jovens empreendedores até profissionais aposentados. Isso possibilita o aumento do número de candidatos a abrirem uma franquia, impulsionando o mercado e alavancando a visitação da Feira, que esse ano deve atrair 26.000 visitantes de várias regiões do país”.

Entre as marcas estreantes na Rio Franchising Business, Arezzo, Sr. Computador, Sobrancelhas Perfeitas, Maria Brasileira, Unhas Express, +Depil e TZ Viagens. Retornam ao evento Amor aos Pedaços e Restaura Jeans, que traz uma novidade que garante conquistar clientes: a transformação da calça jeans velha em tênis. A feira no Rio confirma a cidade como um polo gerador de novas tendências para todo o Brasil, reúne as principais redes de franquias do país, franqueados e novos candidatos, consultores, prestadores de serviços, pontos comerciais, bancos, financeiras e empresas que pretendem adotar o franchising como forma de expansão.  

Microfranquias

Com um faturamento, de R$ 4,5 bilhões – um aumento de 22% em relação a 2012 - as microfranquias já abrangem 368 redes (10% a mais que em 2011) e 13.352 unidades. A elevação do valor de investimento inicial (taxa de franquia), de R$ 50 mil para R$ 80 mil, aumenta a gama de atividades que se encaixam no segmento e as oportunidades de novos negócios. Apesar de representarem ainda 4,4% em relação às franquias tradicionais, as microfranquias têm um enorme potencial de crescimento para negócios com faturamento mensal limite de R$ 30 mil.

Produzida e organizada pela Fagga | GL events Exhibitions, a feira é realizada pela ABF-Rio. Os ingressos podem ser adquiridos antecipadamente pelo site do evento (www.riofranchisigbusiness.com.br) a R$ 35 para um dia, R$ 45,00 para dois dias, ou R$ 55,00 o passaporte para os três dias de evento. Quem comprar no local pagará R$ 40,00 por dia.