BCE reduz previsão de crescimento para Eurozona

O Banco Central Europeu (BCE) revisou nesta quinta-feira em baixa a previsão de crescimento para 2013 na Eurozona, mas se mostrou um pouco mais otimista para 2014.

O BCE espera uma contração de 0,6% do Produto Interno Bruto (PIB) na zona do euro este ano e prevê crescimento de 1,1% em 2014.

Até agora, o BCE previa uma contração de 0,5% para este ano e um crescimento de 1% para 2014.

A situação na zona do euro continua marcada por "riscos de baixa", comentou em uma entrevista coletiva o presidente do BCE, Mario Draghi, apesar "das estatísticas recentes mostrarem certa melhora, partindo de um nível baixo".

O BCE também reduziu a previsão de inflação para os 17 países da Eurozona este ano, a 1,4% (1,6% antes), e mantém inalterada para 2014, a 1,3%.