Inflação em São Paulo atinge a menor taxa do ano

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC), medido pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), na cidade de São Paulo, atingiu alta de 0,83%, na segunda prévia do mês de fevereiro, com a variação mais baixa do ano. A menor taxa até agora tinha sido registrada na primeira prévia de janeiro (0,86%). 

Foi a segunda medição seguida com queda no ritmo de alta, resultado este influenciado, principalmente, pelos grupos que mais têm pressionado o bolso do consumidor: alimentação (de 1,53% para 1,02%); despesas pessoais (de 2,05%) para 1,48%) e educação (de 5,19% para 3,61%). Em movimento oposto, houve avanços em dois dos sete grupos pesquisados: transportes (de 0,51% para 0,65%) e vestuário (de -0,34% para 0,4%). 

Em habitação, a alta do IPC ficou igual ao da pesquisa anterior (0,36%) e em saúde ocorreu ligeiro recuo no ritmo de aumento (de 0,59% para 0,58%).