Procon-SP apura alta de 8,64% na cesta básica

Pesquisa da Fundação Procon-SP constata que o valor da cesta básica paulistana do ano de 2012 apresentou alta de 8,64%. O levantamento, feito em convênio com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), revela que o preço médio passou de R$ 347,26 em 28 de dezembro de 2011 para R$ 377,26 em 27 de dezembro de 2012.

A pesquisa, que abrange 31 produtos (desagregados em marcas, perfazendo um total de 68 itens), constatou que o grupo alimentação foi o que teve maior variação positiva, com aumento de 9,22%, os demais grupos, limpeza e higiene, apresentaram inflação menor, 3,59% e 8,78%, respectivamente.

A maioria dos produtos de alimentação apresentou taxa positiva, dos 22, 17 apontaram comportamento inflacionário. Aqueles com maiores taxas foram: batata (62,42%), cebola (59,76%), arroz (43,73%), alho (42,18%) e feijão (27,66%). Já as maiores quedas foram detectadas na carne de 1ª (-11,05%), açúcar (-9,84%), carne de 2ª (-3,83%) e biscoito maisena (-2,26%). No grupo da limpeza dois produtos aumentaram de valor e dois caíram e no grupo da higiene todas as taxas anuais foram positivas.