Número de famílias com dívidas recua ligeiramente em janeiro

A Pesquisa Nacional de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), mostra que o percentual de famílias brasileiras que relataram ter dívidas entre cheque pré-datado, cartão de crédito, cheque especial, carnê de loja, empréstimo pessoal, prestação de carro e seguros iniciou o ano com leve queda, alcançando 60,2% do total de janeiro. 

Em dezembro de 2012, 60,7% haviam declarado ter tais dívidas. Houve alta em relação a janeiro de 2012, quando os endividados representaram 58,8% das famílias.

O percentual de famílias inadimplentes alcançou 21,2% em janeiro de 2013, ante 21,7% em dezembro de 2012 e 19,9% em janeiro de 2012. Já o percentual de famílias que declararam não ter condições de pagar suas contas ou dívidas em atraso reduziu-se entre dezembro de 2012 e janeiro de 2013, passando de 7,0% para 6,6%. 

Em janeiro de 2012, 6,9% haviam declarado que continuariam inadimplentes.