Desemprego registra leve queda na Espanha mas fecha ano com recorde

O desemprego registrou uma leve queda na Espanha em dezembro, mas fechou o ano com o número recorde de 4.848.723 desempregados, 9,65% a mais que em 2011, anunciou o ministério do Trabalho, no momento em que o país luta entre o objetivo de reduzir o déficit e uma economia em recessão.

Em dezembro, o desemprego registrou queda de 59.094 pessoas (-1,2%) na comparação com novembro. No entanto, em relação a dezembro do ano anterior o número de desempregados aumentou 426.364 pessoas (9,64%), a 4.848.723 de desempregados.

Segundo o Instituto Nacional de Estatísticas (INE), que utiliza um sistema de cálculo diferente, a taxa de desempregou superou no terceiro trimestre a barreira histórica de 25%, a 25,02% (mais de 52% entre os jovens de 16 a 24 anos), o maior nível depois da Grécia no mundo industrializado.

O governo mantém a projeção de uma taxa de 24,6% no fim de 2012 e prevê uma leve queda em 2013, a 23,3%.